“Como se forma um professor de língua inglesa?”: reflexões a partir da reforma curricular de um curso de Letras

Autores

  • Cristiane Carvalho de Paula Brito Universidade Estadual de Campinas
  • Fernanda Costa Ribas Universidade Federal de Uberlândia
Palavras-chave: Formação Docente, Currículo, Língua Inglesa

Resumo

DOI: https://dx.doi.org/10.35572/rlr.v8i3.1442

Este artigo visa refletir sobre a formação do professor de língua inglesa, a partir da análise da mudança curricular de um Curso de Licenciatura em Letras-Inglês, em uma universidade pública mineira. Fundamentamo-nos nos estudos em Linguística Aplicada e no pressuposto bakhtiniano de que a linguagem é dialógica e buscamos, com base em uma metodologia qualitativa de pesquisa, identificar alguns enunciados, no Projeto Pedagógico do Curso (PPC) em questão, que apontassem para concepções do que seja formar um professor de língua inglesa. Constituído na dialogia de dizeres, identificamos no PPC vozes institucionais, educacionais e pedagógicas que ressignificam diferentes perspectivas de língua(gem) e de ensino-aprendizagem. Em nossas análises elencamos
enunciados que refutam visões tecnicistas e ressaltam o caráter político, social, científico, responsivo, crítico e contínuo da formação, os quais parecem ter como eixo organizador de suas diferentes vozes a necessidade de interpelar o licenciando a tomar um posicionamento diante das diversas concepções de língua(gem) que constituem sua profissão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cristiane Carvalho de Paula Brito, Universidade Estadual de Campinas

Doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas. Professora Associada na
Universidade Federal de Uberlândia

Fernanda Costa Ribas, Universidade Federal de Uberlândia

Doutora em Estudos Linguísticos pela Universidade Estadual Paulista. Professora Associada na Universidade Federal de Uberlândia

Downloads

Publicado em

10 de outubro de 2023

Como Citar

BRITO, C. C. de P. .; RIBAS, F. C. . “Como se forma um professor de língua inglesa?”: reflexões a partir da reforma curricular de um curso de Letras. Revista Letras Raras, Campina Grande, v. 8, n. 3, p. Port. 9–35 / Eng. 9, 2023. Disponível em: https://revistas.editora.ufcg.edu.br/index.php/RLR/article/view/1425. Acesso em: 15 abr. 2024.

Seção

A formação de professores de línguas na contemporaneidade: cenários, desafios e possibilidades