A implementação do ensino de língua italiana no programa Idiomas sem Fronteiras na Universidade Federal do Paraná: conquistas e desafio

Autores

  • Paula Garcia de Freitas ISF
  • Fernanda Silva Veloso IsF
  • Eliane Cristina Perry ISF
  • Ranieri Emanuele Mastroberardino ISF
Palavras-chave: Língua Italiana, Idiomas sem Fronteiras, Italiano para Fins Acadêmicos

Resumo

DOI: https://dx.doi.org/10.35572/rlr.v6i1.788

O presente artigo discute o ensino de língua italiana no programa Idiomas sem Fronteiras na Universidade Federal do Paraná. Trataremos de como se deu a implementação do Italiano sem Fronteiras em nosso contexto, discutindo tanto as conquistas quanto os desafios enfrentados. Mais especificamente, relatamos questões práticas, tais como a oferta das vagas para a formação da primeira turma de acadêmicos, bem como questões teóricas, como a metodologia adotada para o ensino da língua e para a elaboração de materiais didáticos inéditos. Justificamos a nossa escolha pelo ensino de línguas com fins acadêmicos e explicamos o passo-o-passo da confecção das quatro unidades didáticas que foram utilizadas no primeiro módulo do curso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paula Garcia de Freitas, ISF

Representante de Língua Italiana junto ao ISF.

Fernanda Silva Veloso, IsF

Voluntária na coordenação do ISF.

Eliane Cristina Perry, ISF

Bolsista ISF

Ranieri Emanuele Mastroberardino, ISF

Voluntario ISF.

Downloads

Publicado em

17 de outubro de 2023

Como Citar

FREITAS, P. G. de .; VELOSO, F. S. .; PERRY, E. C. .; MASTROBERARDINO, R. E. . A implementação do ensino de língua italiana no programa Idiomas sem Fronteiras na Universidade Federal do Paraná: conquistas e desafio. Revista Letras Raras, Campina Grande, v. 6, n. 1, p. 20–37, 2023. Disponível em: https://revistas.editora.ufcg.edu.br/index.php/RLR/article/view/1642. Acesso em: 17 abr. 2024.

Seção

Impacto do Programa Idiomas sem Fronteiras na formação de professores de línguas estrangeiras no Brasil