Alice Lobo / Wolf-Alice

Autores

  • Angela Carter Universidade Federal de Campina Grande
Palavras-chave: Alice Lobo

Resumo

DOI: https://dx.doi.org/10.35572/rlr.v7i2.1143

Se esta menina maltrapilha, com aros malhados, pudesse falar como nós ela diria que é um lobo, mas ela não sabe falar, embora uive quando está só – mas, uivar não é a palavra adequada, pois ela é jovem o suficiente para fazer o barulho que os filhotes fazem, borbulhante, delicioso, como uma panela com banha quando vai ao fogo. Às vezes, os ouvidos aguçados de seus parentes adotivos podem ouvi-la através do abismo irreparável da ausência; eles respondem da longínqua floresta de pinheiros e do pico da montanha. Os contrapontos deles cruzam o céu noturno; eles estão tentando falar com ela, mas eles não conseguem porque ela não entende a linguagem deles, mesmo sabendo como usá-la, pois, ela não é um lobo, apesar de ter sido amamentada por um.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado em

14 de outubro de 2023

Como Citar

CARTER, A. . Alice Lobo / Wolf-Alice. Revista Letras Raras, Campina Grande, v. 7, n. 2, p. 351–359, 2023. Disponível em: https://revistas.editora.ufcg.edu.br/index.php/RLR/article/view/1550. Acesso em: 13 abr. 2024.

Seção

Traduções