UM OLHAR PARA O ALTO

UMA EXPERIÊNCIA DE ESTUDO COM A TIPOLOGIA VERTICAL DA MODERNIDADE

Autores

Palavras-chave: Arquitetura Moderna; Patrimônio Moderno; Verticalização; Edifício vertical de uso misto.

Resumo

O presente artigo tem por objetivo propor reflexões acerca da visibilidade da tipologia do edifício vertical de uso misto, em específico sobre os exemplares construídos durante o período da modernidade arquitetônica, no âmbito da pesquisa acadêmica. Para atingir esse propósito, fundamenta-se na experiência adquirida durante o trabalho de conclusão de curso sobre o Edifício Lucas, desenvolvido no contexto do curso de arquitetura e urbanismo da Universidade Federal de Campina Grande. A justificativa para esta abordagem reflexiva reside no reconhecimento ainda incipiente desses edifícios como patrimônio de valor relevante. Do ponto de vista metodológico, o trabalho prosseguiu com a análise das dimensões arquitetônicas, considerando tanto o contexto histórico do objeto quanto sua tipologia. Conclui-se que tais edificações apresentam elementos projetuais significativos e de impacto urbanístico relevante, contribuindo assim para as atuais discussões sobre a revalorização dos centros urbanos brasileiros, mas enfrentam desafios consideráveis em termos de conservação nos dias atuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AFONSO, Alcilia. A produção arquitetônica moderna dos primeiros discípulos de uma Escola. Arquitextos, São Paulo, ano, v. 9, 2008.

__________. La Consolidación de la arquitectura moderna en Recife en los años 50. Universitat Politècnica de Catalunya, 2006.

__________. Modernidade arquitetônica tropical: patrimônio arquitetônico moderno recifense e sua influência no Nordeste brasileiro. 1 ed. Camaragibe, PE: Ed. da autora, 2022.

__________. Notas sobre métodos para a pesquisa arquitetônica patrimonial. Revista Projetar - Projeto e Percepção do Ambiente, v. 4, p. 54-70, 2019.

ALMEIDA, Adriana. Modernização e Modernidade: uma leitura sobre a arquitetura moderna de Campina Grande (1940-1970). 2010. Tese de Doutorado. Dissertação) – Universidade de São Paulo Campus São Carlos.

ALMEIDA, Caliane. Habitação social no Nordeste: a atuação das CAPs e dos IAPs (1930-1964). 2012. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo.

BENEVOLO, Leonardo. História da Arquitetura Moderna. São Paulo: Editora Perspectiva, 3ª edição, 2001.

DUPRÉ, Judith. Skyscrapers: A History of the World’s Most Extraordinary Buildings, black & Dog Leventhal Publishers. Inc., New York, 2013.

LORES, Raul. São Paulo nas Alturas. 1° Edição, São Paulo: Editora Três Estrelas, 2018.

MACÊDO, Jéssica. Percepções ao crescimento vertical: difusão e recepção na cidade de Campina Grande, PB (1942-1969). In: 6º Seminário Ibero-americano Arquitetura e Documentação, 2019, Belo Horizonte. Anais do 6º Seminário Ibero-americano Arquitetura e Documentação, 2019.

MEIRA, Roberta. A obra de Hugo Marques no centro histórico de Campina Grande, PB. 1957-1963. XI SEMINÁRIO DOCOMOMO BRASIL. Recife: Docomomo Brasil. UFPE, 2016.

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINA GRANDE. Criação de zona especial de preservação I (Lei Municipal N° 3721/99), 1999.

QUEIROZ, Marcus Vinicius Dantas de. Quem te vê não te conhece mais: arquitetura e cidade de Campina Grande em transformação (1930-1950). 2016. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo.

SANTOS, Marcos. Uma Galeria para a Metrópole - O Edifício Multiuso e a reestruturação do Centro-Novo (1933-1964). 2014. Tese de Doutorado. Instituto de Arquitetura e Urbanismo – Universidade de São Paulo.

SOMEKH, Nadia. A (des) verticalização de São Paulo e o plano diretor da cidade. PosFAUUSP, v. 1, n. 2, p. 77-84, 1992.

SOUZA, Danilo Rodrigues et al. O ideário de industrialização e desenvolvimentismo nas representações do Diário da Borborema (1957-1979). Campina Grande, 2016. Dissertação de Mestrado em História – Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal de Campina Grande, 2016.

WAISMAN, Marina. O interior da História: Historiografia Arquitetônica para uso de Latino-Americanos. São Paulo: Escala, 2013.

Downloads

Publicado em

4 de dezembro de 2023 — Atualizado em 22 de dezembro de 2023

Versões

Como Citar

JALES, L. UM OLHAR PARA O ALTO: UMA EXPERIÊNCIA DE ESTUDO COM A TIPOLOGIA VERTICAL DA MODERNIDADE. Revista Arquitetura e Lugar, Campina Grande, v. 1, n. 4, p. 41–52, 2023. Disponível em: https://revistas.editora.ufcg.edu.br/index.php/arql/article/view/2050. Acesso em: 24 abr. 2024.

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)